Salmo 1 — Os Bem-aventurados

A ênfase da vida neste milênio e nessa época de pós-modernidade em que vivemos é o homem em busca de sua felicidade. A grande ênfase é: se você é feliz, independente do que faz, isto é o que importa. Se você pratica algum ato contra a Lei de Deus, independente se é a favor ou contra esta Lei, o crivo da verdade é se você é feliz. A conclusão é: se for feliz, logo estarei no caminho certo, porque o que importa é a felicidade.Obviamente não encontramos nas Sagradas Escrituras nenhuma afirmação que diga que Deus nos chamou para sermos felizes. Mas a felicidade está ligada diretamente à obra do Espírito Santo em nos conduzir à submissão da vontade de Deus. A verdadeira felicidade é exatamente submeter-se à vontade do Senhor...

4 comentários:

Anônimo disse...

ficou muito claro para mim que ser feliz é está no centro da vontade de Deus, não fazendo minhas vontades mais a do nosso soberano Deus, visando sempre uma vida de santidade.

Parabéns pela postagem do material.

Graça e paz!

Anônimo disse...

O link do ePub não corresponde ao livro.

Os Puritanos disse...

Obrigado. Veja se foi corrigido.

Antônio Silva disse...

Maravilhoso artigo. Sou grato a Deus, por me ensinar através de sua Santa Palavra que a maior felicidade é justamente está no centro de sua vontade. Somos mais que felizes quando fazemos a vontade do Pai Celeste. Somos bem aventurados, quando morremos para o mundo e vivemos para a glória de Deus.